< Voltar

Abandono aos animais é tema de campanha em Dezembro

Publicada dia 26/12/2022 às 12:10:16

Giovana Dal Posso

abandono-aos-animais-e-tema-de-campanha-em-dezembro


Cada vez mais é comum encontrar animais em situação de rua - pensando nisso foi criada a campanha do “Dezembro Verde”, dedicada a ações educativas e de reflexão sobre o abandono de animais e a guarda responsável em todo o país. Além disso, o abandono de animais é considerado crime previsto na Lei Art. 32 da Lei nº 9.605/98, com pena de dois a cinco anos, multa e proibição da guarda. Em Santa Cruz do Rio Pardo, cada vez mais é possível perceber a conscientização de pessoas, empresas e órgãos públicos acerca do assunto.

 

No dia 11 de dezembro, a Prefeitura Municipal junto da Secretaria do Meio Ambiente realizou o 1º Pet’s Day, em comemoração à campanha. Na ocasião, a população teve acesso a veterinários, brinquedos, e brindes, além de uma apresentação do canil da Polícia Militar. Lauren Cristine de Andrade, secretária do Meio Ambiente da cidade, diz que o evento foi um sucesso. 

 

 “A ideia surgiu da necessidade de se fazer um movimento e levar as pessoas a refletirem sobre a situação de abandono e maus tratos, mas não só isso, proporcionar uma manhã de domingo diferente, onde as pessoas pudessem se informar e se divertir. Elaboramos um quiz com perguntas e respostas sobre o assunto, já pensando na conscientização. A aceitação foi sensacional, superou as expectativas, estamos muito satisfeitos com o resultado”, relata, “Com certeza o Pet´s Day veio para ficar e fará parte do calendário de eventos do município”. 

Lauren também conta que foi instituído na cidade o Programa de Atenção à Saúde Animal (PASA) que promoverá procedimentos veterinários de cães e gatos, machos e fêmeas como esterilização, curativos, internações entre muitos outros previstos na Lei Municipal nº 3.875 de 1 de junho de 2022. 

“O programa irá atender prioritariamente, os animais em situação de rua ou sob os cuidados dos cuidadores e protetores cadastrados na Secretaria do Meio Ambiente, assim como as famílias com renda de até dois salários mínimos. A triagem dessas famílias será realizada pela Secretaria de Assistência Social. Estamos ajustando os últimos detalhes e a previsão de início é para os próximos meses”, finaliza.