< Voltar

Comércio reabre aos sábados a partir deste fim de semana

Publicada dia 27/08/2020 às 11:45:11

Isadora Iaroseski

comercio-reabre-aos-sabados-a-partir-deste-fim-de-semana

Diego Singolani


O prefeito Otacílio Parras Assis (PSB) anunciou nesta semana que o comércio de Santa Cruz do Rio Pardo reabrirá suas portas aos sábados a partir do próximo dia 29. Todos os estabelecimentos que já têm autorização para funcionar de segunda à sexta-feira poderão trabalhar aos sábado das 7h às 15h. No domingo, continua o fechamento total, inclusive de mercados, padarias e açougues. O prefeito também afirmou não há perspectiva de retorno para a Feira da Lua.

As informações foram divulgadas no boletim oficial em vídeo postado na quarta-feira, 19, na página da prefeitura no Facebook. Apesar da maioria dos indicadores do município estar na fase verde do Plano São Paulo - como a taxa ocupação de leitos de UTI, número de novos casos, leitos de UTI disponíveis para cada 100 mil habitantes e número de óbitos -, o prefeito voltou a fazer um alerta sobre a importância da manutenção das medidas de segurança sanitária para que a Covid-19 continue controlada. Otacílio foi enfático ao defender o isolamento social.  “Os cuidados sempre devem ser mantidos. Se tivermos um caso positivo em Santa Cruz, a cidade toda tem que se cuidar. Por isso, é muito importante que as pessoas contaminadas permaneçam em casa e cumpram a quarentena de 14 dias. E também, contamos com o isolamento voluntário de toda a população, saindo de casa o mínimo necessário. A rua, hoje, não é mais um local de passeio. É um local de deslocamento para coisas essenciais, compras essenciais, trabalho, e não mais para lazer”, afirmou.

A notícia da reabertura do comércio aos sábados foi bastante celebrada pelos lojistas nas redes sociais. Em entrevista à rádio 104 FM, Mara Araújo, gerente da Associação Comercial e Empresarial de Santa Cruz, disse que a medida trará um alívio ao setor. “Era o que todos os comerciantes esperavam. Mas é sempre bom ressaltar que devemos respeitar as determinações do poder público para que a doença não volte a crescer, pois se isso acontecer, o comércio será o primeiro afetado novamente. Os lojistas têm seguido as orientações e pedimos que os clientes também colaborem, entendo e respeitando as regras”, declarou. 

Se o anúncio agradou aos comerciantes de Santa Cruz do Rio Pardo de maneira geral, um grupo deles ainda vai continuar sofrendo de maneira mais dura os efeitos da crise. O prefeito Otacílio disse que não há nenhuma perspectiva de retorno para a Feira da Lua ou eventos similares. “Não sabemos quando vai voltar, infelizmente. A Feira da Lua causa uma grande aglomeração, quase que festiva, diferente da feira de domingo em que as pessoas vão para comprar, se abastecer e voltam para casa. A Feira da Lua é para consumo no local, é convivência, esse tipo de evento não tem nenhuma programação para ser liberado”, afirmou Otacílio.

Compartilhar nas redes sociais