Jornal Atual
< Voltar

3ª dose vai começar por profissionais da saúde e idosos, afirma Queiroga

Publicada dia 19/08/2021 às 11:17:42

3-dose-vai-comecar-por-profissionais-da-saude-e-idosos-afirma-queiroga


O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou ontem que o calendário de aplicação da terceira dose da vacina contra a covid-19 deverá começar por idosos e profissionais da saúde, assim como ocorreu no início da campanha de imunização, em janeiro deste ano. É a primeira vez que o chefe da pasta confirmou a necessidade de uma dose de reforço.

Queiroga, no entanto, não informou quando a terceira dose começará a ser distribuída no país. “Vamos planejar para que no momento que tivermos todos os dados científicos e tivermos o número de doses suficiente disponível, já orientar o reforço da vacina, e isso em relação a todos os imunizantes”, afirmou, durante entrevista coletiva sobre a metodologia da pasta na distribuição de doses aos estados.

O Ministério da Saúde iniciou um estudo este mês para verificar a necessidade da terceira dose em pessoas que receberam o imunizante CoronaVac, desenvolvido em parceria pela farmacêutica chinesa Sinovac e o Instituto Butantan, de São Paulo. Sobre as outras vacinas,  Queiroga afirmou que já há pesquisas em desenvolvimento.

O chefe da pasta também reforçou a importância da vacinação por causa do avanço da variante delta. “Pessoas com duas doses podem adoecer, inclusive em formas graves. Mas se compararmos os que se vacinaram com duas doses e aqueles que não receberam a vacina, o benefício da imunização é inconteste.”

Compartilhar nas redes sociais