< Voltar

Antigomobilismo reúne fãs de carros clássicos em Santa Cruz

Publicada dia 01/04/2020 às 11:25:09

Diego Singolani

antigomobilismo-reune-fas-de-carros-classicos-em-santa-cruz

Diego Singolani


Pesquisar a história, garimpar peças, cuidar de cada detalhe do carro como se fosse o brinquedo predileto. O antigomobilismo une pessoas das mais diferentes classes sociais e idades ao redor da paixão em comum por veículos clássicos. Em Santa Cruz do Rio Pardo, um grupo com mais de 20 integrantes promove encontros regulares e no final do ano planeja um grande evento.

O instalador Matheus Silva Maia, 23, mais conhecido como Del Rey, alimenta sua paixão pelos modelos antigos desde pequeno. “Meu avô tinha uma oficina, meu pai sempre gostou de carros e contava suas histórias. Meu primeiro emprego foi como mecânico e a paixão foi só aumentando”, relembra. Matheus já teve Saveiro, Parati, Santana, Opala, mas, não por acaso, o modelo que inclusive lhe rendeu o apelido é o xodó Del Rey. “Tive cinco. No momento estou com meu sonho de consumo, um Ford Del Rey Série Ouro, completo, automático, todo original, placa preta. Gastei cerca de R$ 12 mil na restauração, que é bem diferente de uma simples garibada”, explica.

Matheus costuma participar de eventos na região em um raio de até 180 km e o seu Del Rey restaurado já levou três prêmios. “Nosso grupo se chama Amigos Antigomobilismo  Santa Cruz do Rio Pardo e conta com cerca de 28 membros. Nossas reuniões são mais para conversa sobre os carros, ver os eventos e acertar algumas coisas do nosso clube”, afirma. “O antigomobilismo me causa um sentimento de possuir um pouco da história automotiva e me dá a possibilidade de fazer a alegria de pessoas que um dia andaram ou tiveram um carro desses, reviver suas memórias”, diz Matheus. 

O empresário Júlio César Scotton, 38, diz que sempre foi apaixonado por carros antigos, mas devido ao seu trabalho com propaganda volante tinha que comprar modelos novos. A saída foi diversificar as atividades. “Com outra empresa paralela, de aluguel de carro para noivas, pude então fazer o trabalho com carros antigos. A procura foi grande”, afirma Scotton. Atualmente ele está com um Kadett Conversivel ano 1992, placa preta, muito requisitado para ensaios fotográficos com debutantes. “Para mim também funciona como um hobby, uma terapia. Veio no momento certo, eu precisava aliviar o stress do dia a dia”, disse.

No dia 22 de novembro, o clube Amigos Antigomobilismo realizará o seu já tradicional evento na Praça Carlos Queiroz, em Santa Cruz, que irá contar com exposição de dezenas de modelos. “Teremos sorteios de brindes, entrega de troféus, show musical e espaço kids. Convidamos todo o público em geral e principalmente aquelas pessoas que tiverem carros, motos e caminhões antigos”.

Compartilhar nas redes sociais