< Voltar

Plástica dos pés: sem cortes e sem dor, técnica revigora a saúde e a estética dos pés

Publicada dia 04/09/2020 às 11:47:50

Rodrigo Martins

plastica-dos-pes-sem-cortes-e-sem-dor-tecnica-revigora-a-saude-e-a-estetica-dos-pes

Diego Singolani


São eles que, literalmente, nos sustentam em todos os momentos da vida e, muitas vezes, não recebem a atenção merecida. O cuidado com os pés é fundamental não apenas pela questão estética, mas principalmente porque a saúde desses membros pode impactar de maneira sistêmica todo o organismo. Uma das grandes inovações no mercado de beleza, a plástica dos pés é um conjunto de procedimentos que promove justamente renovação dos pés de forma simples, indolor, sem cortes e de maneira rápida.

De acordo com a podóloga Alini Dias, que atua há 12 anos no segmento, a plástica dos pés tem ação profunda, agindo a partir das células mortas que podem formar o ressecamento e até rachaduras (fissuras calcâneas). A especialista explica que os problemas mais comuns nessa região do corpo, além das rachaduras, são o corte incorreto das unhas, onicomicose (micose nas unhas), unhas encravadas e calosidades. “A plástica dos pés é indicada tanto para a mulher quanto para homens, pois se trata de estética e também da saúde dos pés. Em quem que já tem ressecamento plantar, por exemplo, a tendência é piorar, até mesmo chegar ao ponto de ter rachaduras. Por isso a plástica dos pés também é indicada como procedimento preventivo”, alerta Alini. 

A podóloga diz que o tratamento pode variar dependendo de cada caso. “Colho informações para entender a causa do problema de cada cliente, para melhor instruí-lo após o procedimento e orientá-lo sobre os cuidados diários com os pés. Faço uma avaliação, para indicar o melhor hidratante para cada tipo de pele e, caso esteja fora do meu alcance, dependendo da gravidade, peço para que procure uma especialista dermatologista”, afirma Alini. “Após a avaliação, realizamos o protocolo de assepsia das unhas, planta dos pés e passo a orientação de como também tratar os pés em casa”, disse.

É preciso estar atento e observar com cuidado qualquer alteração fisiológica nos pés e, se necessário, buscar acompanhamento profissional.  “Os pés podem refletir problemas sistemáticos de saúde, até mesmo emocionais. Bolinhas de água, coceiras, ressecamento e descamação são alguns sinais. É preciso também estar atento a tonalidade da pele e das unhas. Percebeu que há algo estranho, busque a ajuda de um profissional. Na podologia, trabalhamos em equipe multidisciplinar. O que sai do meu alcance, indico para médico, dermatologista ou até mesmo psicólogo - neste caso, aquelas pessoas ansiosas que têm o hábito de comer ou auto mutilar as unhas”, diz Alini.

A podóloga dá algumas dicas de cuidados básicos para prevenir problemas e manter a saúde dos pés em dia. “No banho, lavar os pés mesmo que não estejam sujos, assim evita o acúmulo de células mortas; secar muito bem os pés e entre os dedos; usar meias de algodão - as meias devem ser usadas apenas uma vez, já que fazer a troca diária evita o chulé e a umidade; usar sapatos alternados, para dar tempo de secar o próprio suor; higienizar os calçados - indico o desinfetante Lysoform; para quem cuida do lar, indico para fazer as tarefas de casa, como lavar quintal, banheiro, botas de proteção e não chinelos; E é fundamental fazer a hidratação, de preferência depois do banho, pois os poros estarão abertos, absorvendo mais o hidratante”, declarou.

Além de aplicar a técnica da plástica dos pés, a podóloga Alini Dias também ministra cursos de capacitação do procedimento voltados às manicures que tiverem interesse em se especializar. 

Compartilhar nas redes sociais